domingo, 7 de agosto de 2016

03 dicas para trabalhar folclore com o berçário

Vamos falar hoje sobre músicas, instrumentos musicais, muitafestae alegria: sons, barulho... A criança consegue perceber sons e se expressar por meio deles desde os primeiros meses de vida. Por desenvolver outras capacidades, como sensibilidade, intuição, reflexão, criatividade, coordenação motora, dicção e ritmo, é importante começar a educação musical desde o berçário. 

Para falar sobre isto, nada melhor do que aproveitar o tema folclore... Você pode incentivar os pequenos a cantar, além de educá-los musicalmente ao brincar com a voz, explorando possibilidades diversas como imitar ruídos e os sons de animais, de trovão etc.

Aí vão 03dicaspara realizar atividades folclóricas com os bebês.

Brincos e parlendas
IDADEDe 6 meses a 3 anos.
TEMPO30 minutos.
ESPAÇOSala de atividades, pátio ou jardim.
MATERIALLetras de músicas, brincos e parlendas.
OBJETIVOSe divertir com a música.

Parlendas são brincadeiras com rima e sem música. Brincos são geralmente cantados e envolvem movimentos corporais, como cavalinho ou balanço. 

(Sente a criança em suas pernas, de frente para você e fique de mãos dadas com ela, fazendo movimentos de balanceio para a frente e para trás.)
Serra, Serra, Serrador
Serra, serra, serrador
Serra o papo do vovô
O vovô está cansado
Deixa a serra descansar
Exemplo de parlenda

(Pode ser usado paraescolherquem vai começar uma brincadeira.)
Lá em Cima do Piano
Lá em cima do piano
Tem um copo de veneno
Quem bebeu morreu
O azar foi seu

Vamos cantar?
IDADEDe 6 meses a 3 anos.
TEMPO30 minutos.
ESPAÇOSala de atividades.
MATERIALAparelho de som e fitas cassete ou CDs variados.
OBJETIVOEstimular o contato com a música e aprender a ouvi-la. A música deixa de ser trilha sonora ou pano de fundo de outras atividades e passa a ser o foco. Além de estimular o ouvir, mostre à criança como acompanhar o som – batendo palmas, por exemplo, ou até mesmo cantando. É importante que ela tenha contato com um repertório musical variado – de música clássica a ritmos regionais brasileiros. Se você souber, toque um instrumento musical e cante, estimulando a criança a prestar atenção aos sons.

Qual é meu nome?
IDADEA partir de 4 meses.
TEMPO30 minutos.
ESPAÇOSala de atividades, pátio ou jardim.
OBJETIVOSReconhecer o próprio nome e reforçar o vínculo com o educador.

Desenvolvimento: Escolha uma música na qual você possa incluir o nome das crianças. Exemplos: “Se Eu Fosse um Peixinho”, “A Canoa Virou”, “Ciranda, Cirandinha” e “Fui no Itororó”. Reúna a turma em um local agradável e cante. Os bebês também podem participar, já que a intenção é fazer com que se familiarizem com os nomes. Aos que já andam, sugira uma roda, que vai se formando com aqueles que ouvem o próprio nome
.


Read more:http://www.pragentemiuda.org/2013/08/03-dicas-para-trabalhar-folclore-com.html#ixzz3AfrfYH4l

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...